FBI realiza busca na casa do youtuber Jake Paul

Agentes do FBI fortemente armados fizeram uma busca e apreensão nesta quarta-feira (5) na casa do youtuber Jake Paul, na Califórnia, como parte de uma investigação, informou o advogado do influenciador.

Imagens transmitidas pela imprensa local mostraram armas de fogo sendo apreendidas na mansão de Paul em Calabasas, perto de Los Angeles, após uma busca que durou horas e envolveu uma equipe do batalhão de choque da polícia, a SWAT.

"Entendemos que um mandato de busca foi executado na casa de Jake em Calabasas esta manhã, enquanto Jake estava fora do estado", declarou o advogado Richard Schonfeld em declaração à AFP.

Paul, que tem mais de 20 milhões de inscritos no YouTube e já explorou carreiras no cinema, na música e até no boxe profissional, foi recentemente flagrado em vídeo saqueando comércios no Arizona durante um protesto antiracismo, em maio.

O influenciador foi acusado de invasão de propriedade privada e de participar de assembleia ilegal. Ele se declarou inocente.

As acusações iniciais foram retiradas para permitir uma investigação penal federal.

Um porta-voz do FBI declarou nesta quarta-feira à AFP que os agentes investigam "as acusações de atos criminosos" no centro comercial de Arizona e que "executaram mandatos de busca federais na Califórnia e em Las Vegas, Nevada, relacionados a esta investigação".

O advogado de Paul afirmou estar reunindo informações, mas que colabora com a investigação.

Paul, de 22 anos, também se viu em meio a polêmicas devido às barulhentas festas na mansão de Calabasas, uma comunidade exclusiva nos arredores de Los Angeles onde moram diversas celebridades.

No YouTube, Paul promete um conteúdo "de comédia, atuação, esportes extremos e aventuras loucas".

Seu irmão mais velho, Logan Paul, também é uma estrela do YouTube, plataforma na qual tem 22 milhões de inscritos.